A PREFEITURA MUNICIPAL DE CENTENÁRIO ATRAVÉS DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE E SAÚDE DIVULGAM BALANÇO DOS MEDICAMENTOS VENCIDOS COLETADOS.

A PREFEITURA MUNICIPAL DE CENTENÁRIO ATRAVÉS DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE E SAÚDE DIVULGAM BALANÇO DOS MEDICAMENTOS VENCIDOS COLETADOS.

Descartar remédios/medicamentos de uso humano vencidos ou fora de uso no lixo comum, vaso sanitário ou esgoto pode causar riscos à saúde. Os remédios descartados de forma irregular, os componentes químicos dos mesmos podem voltar à população por meio da água e de alimentos. Estudos feitos no Brasil e em outros países revelam que grande parte da população descarta remédios em lixo comum. “A questão é que a maioria da população não sabe onde levar estes medicamentos vencidos ou em desuso”.

Outra preocupação em relação ao assunto é o risco de impacto ambiental que os medicamentos podem causar. “Os medicamentos têm uma característica importante que é o longo tempo de decomposição ou, como falam os pesquisadores, os medicamentos tem persistência ambiental”. Estudos indicam que os anti-inflamatórios estão entre os medicamentos mais consumidos e são poluentes ambientais perigosos, que podem provocar mutações genéticas e hormonais em animais, ou até mesmo a contaminação do solo e do lençol freático. Os medicamentos armazenados em casa são, segundo pesquisas, sobras de caixas compradas durante um tratamento ou até mesmo resultado da prática da automedicação, prática esta que traz sérios riscos à saúde, além do prejuízo financeiro com a aquisição exagerada de tais remédios. “As pessoas podem confundir facilmente sintomas que elas consideram rotineiros com problemas mais sérios”.

Para minimizar estes possíveis efeitos acima citados no Município de Centenário, a SEMMA – Secretaria Municipal de Meio Ambiente em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde elaboraram um projeto de lei referente ao tratado nesta nota, ao qual foi submetido a apreciação, votação e aprovação por unanimidade na Câmara Municipal de Vereadores com a denominação Lei n0 407 de 19 de dezembro de 2018, ficando assim instituída a Política Municipal de Descarte e Coleta de Medicamentos Vencidos de Uso Humano. Em Janeiro/19, esta lei foi apresentada aos servidores municipais da Secretaria de Saúde na UBS Antônio Gonçalves de Lima, para que através dos Agentes Comunitários de Saúde fosse divulgada à população da zona urbana e rural e na mesma data foram disponibilizados aos munícipes dois postos de coletas dos medicamentos vencidos, sendo um na Farmácia da UBS e outro no Posto de Medicamentos Cristo Rei situado na Rua São Paulo esquina com Rua Joaquina Tavares de propriedade do sr. Diogo Monteiro. Os medicamentos entregados voluntariamente pela população nos dois pontos de coleta são submetidos a inventario (contagem do número de comprimidos/drágeas e frascos com substância líquida), por princípio ativo. Por este inventário, a secretaria de saúde irá saber quais os medicamentos que são mais descartados pela população, e também fazer campanhas pontuais de conscientização sobre a devolução destes, antes do seu vencimento, para que outro cidadão possa ter acesso ao medicamento, haja visto, a secretaria de saúde disponibilizar gratuitamente centenas de medicamentos da farmácia básica, diminuindo assim, gastos exorbitantes com a aquisição de vários medicamentos. Neste ano, até o dia 11/12/2019 foram coletados 991 comprimidos, 09 frascos de vidro/plástico contendo substâncias líquidas e 23 envelopes, de 39 princípios ativos diferentes. O princípio ativo de maior descarte foi o SINVASTATINA 25 mg com 170 comprimidos. A Secretaria Municipal de Saúde envia estes medicamentos vencidos acondicionados em sacos plásticos e demais lixo hospitalar produzidos na UBS para serem incinerados em Paraíso do Tocantins – TO., dando assim o destino final mais adequado a estes medicamentos. A tabela abaixo mostra em ordem alfabética, os princípios ativos e quantidade coletados.

Ordem

Princípio Ativo

QTD.

01

ALBENDAZOL

04 Comprimidos

02

ALENDRONATO DE SODIO

20 Comprimidos

03

AMIODARONA

30 Comprimidos

04

AMITRIPTILINA 25 mg

28 Comprimidos

05

ANLODIPINO 5 mg

45 Comprimidos

06

BETAMETASONA

20 Comprimidos

07

BUTILBROMETO+ESCOPOLAMINA

06 Comprimidos

08

CAPTOPRIL 25/50 mg

50 Comprimidos

09

CLORETO DE SODIO

01 Comprimido

10

CLORIDRATO DE CICLOBENZAPRINA

17 Comprimidos

11

CLORIDRATO DE ESCITALOPRAM

80 Comprimidos

12

CLORIDRATO DE LOPERAMIDA

32 Comprimidos

13

COMPLEXO B POLIVITAMINICO

01 Frasco

14

DIPIRONA SODICA Gotas

01 Frasco

15

ENALAPRIL

150 Comprimidos

16

FENOXIMETILPENICILINA

04 Comprimidos

17

FLUCONAZOL

04 Comprimidos

18

FUMARATO DE FORMOTEROL

60 Comprimidos

19

FUROSEMIDA 40 mg

16 Comprimidos

20

GLICERINA

06 Comprimidos

21

HALOPERIDOL 5 mg

24 Comprimidos

22

HIDROXIDO DE MAGNESIO

15 Envelopes

23

LACTOPURGA

03 Comprimidos

24

LACTULOSE XAROPE

01 Frasco

25

LORATADINA

05 Comprimidos

26

METRONIDAZOL SUSP.

01 Frasco

27

NIMESULIDA

08 Comprimidos

28

OLEO MINERAL

01 Frasco

29

PALMITATO DE RETINOL

81 Comprimidos

30

PARACETAMOL 750 mg

10 Comprimidos

31

PARACETAMOL SUSP. 100 mg/ML

01 Frasco

32

PASSIFLORA INCARNATA

18 Comprimidos

33

PREDNISONA

20 Comprimidos

34

PROMETAZINA 25 mg

37 Comprimidos

35

RANITIDINA 150 mg

20 Comprimidos

36

REGULADOR MENSTRUAL (SAUDE DA MULHER) 150 ML

02 Frascos

37

REPOFLOR

08 Envelopes

38

SECNIDAZOL

02 Comprimidos

39

SIMETICONA

20 Comprimidos

40

SIMETICONA Gotas

01 Frasco

41

SINVASTATINA 25 mg

170 Comprimidos

xxxxxxxxxxxxxx

TOTAL GERAL COMPRIMIDOS

991 Comprimidos

xxxxxxxxxxxxx

TOTAL GERAL FRASCOS

09 Frascos

xxxxxxxxxxxxxx

TOTAL GERAL ENVELOPES

23 Envelopes

 

 

DateCamera1211090210
DateCamera1211090220
DateCamera1211090051
DateCamera1129160538
DateCamera1129160523
DateCamera1129160433
DateCamera1129160355
DateCamera1129160303
DateCamera1129160321
 


Imprimir   Email